Câmara Municipal de Jacutinga-MG - Home  
 
Home Vereadores Notícias Vídeos Leis Municipais Contato
 
A Câmara


A Cidade

 
Links Públicos
Assembleia Legislativa de MG - Clique Aqui
Governo de Minas - Clique Aqui
Câmara dos Deputados - Clique Aqui
Senado Federal - Clique Aqui
Governo Federal - Clique Aqui
  NOTÍCIAS
Voltar para a Página AnteriorEntre em contato conoscoIr para a Home Page
DEZEMBRO VERMELHO - Câmara Municipal de Jacutinga-MG
DEZEMBRO VERMELHO
01/12/2021

DEZEMBRO VERMELHO

 

Qual é a origem do Dezembro Vermelho?

Pouco após a doença se tornar conhecida em todo o mundo, a Organização das Nações Unidas e a Organização Mundial de Saúde definiram que 1º de dezembro seria o Dia Mundial de Luta Contra a Aids. A intenção era ajudar a conscientizar sobre a então nova doença e evitar novos quadros, além de oferecer ajuda a quem já havia sido diagnosticado. Pouco tempo depois, a iniciativa de um dia se estendeu por todo o mês. No Brasil, a Lei nº 13.504, de 2017, instituiu o Dezembro Vermelho de forma oficial. A partir do sancionamento da lei, passou a haver a Campanha Nacional de Prevenção ao HIV/Aids e outras ISTs, de modo anual.

 

Por que a conscientização e o combate às ISTs são medidas importantes?

As Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) são condições que podem ser transmitidas pelo contato sexual desprotegido e outros comportamentos de risco — como compartilhamento de seringas, por exemplo. Entre as doenças, além de HIV/Aids, há HPV, herpes, sífilis, gonorreia, clamídia e outros. O papel do Dezembro Vermelho é falar sobre essas condições e ajudar a evitar o contágio. Mas por que é tão necessário combater as ISTs e falar sobre elas? Confira!

 

Redução dos riscos de contágio

Muita gente ainda não sabe quais são os riscos de ter relações sexuais desprotegidas ou quais doenças podem vir desse comportamento. Portanto, o Dezembro Vermelho busca alertar sobre o tema, para que mais gente se previna e ocorra uma queda nos novos casos.

 

Proteção para a saúde

Diversas ISTs são fatores de risco para outras doenças. A Aids, por exemplo, compromete o sistema imunológico. Já o HPV pode aumentar o risco de diversos tipos de câncer e, por isso, exige atenção. Com a conscientização oferecida pelo Dezembro Vermelho, é possível reduzir os quadros e garantir que as pessoas infectadas busquem tratamento. 

 

Combate ao preconceito e à discriminação

Ainda existe um estigma social sobre as ISTs, o que faz com que muita gente nem queira realizar exames, com medo do diagnóstico. Somente com a conscientização é possível acabar com o preconceito e com a marginalização de quem apresenta alguma condição. Ou seja, uma forma de criar uma sociedade mais inclusiva.

 

Quais áreas podem ajudar e atuar no Dezembro Vermelho?

Se você acha que apenas os médicos estão envolvidos com a prevenção e até com o tratamento das ISTs, saiba que está enganado. Há diversas profissões que ajudam, todos os anos, no desenvolvimento das campanhas e na promoção de cuidados no resto dos meses. Então, nada melhor que saber qual profissão você pode seguir para ajudar nesse sentido, né? A seguir, veja quais são algumas graduações — especialmente, na área de Saúde — que se envolvem com essa campanha anual!

 

Biomedicina

A Biomedicina é essencial para a saúde pública e envolve diversos estudos e análises de compostos e até medicamentos. Em relação às ISTs, a área é essencial para ajudar no diagnóstico. É por isso que profissionais do ramo podem se envolver com o tema, a partir de debates, seminários e ações específicas. Todas essas discussões e descobertas podem favorecer a conquista de resultados melhores para os pacientes.

 

Direito

O Direito é uma profissão das Ciências Humanas e que não está, a princípio, ligado à saúde. Porém, essa área também tem tudo a ver com a conscientização e o combate às ISTs. Graças ao profissional da área, pessoas com determinados diagnósticos têm seus direitos garantidos, como pensões especiais ou acesso ao tratamento gratuito. Também há a proteção contra discriminação no trabalho e em outros ambientes, de modo a garantir máxima qualidade de vida.

 

Enfermagem

A Enfermagem está entre as principais áreas de Saúde que podem atuar no Dezembro Vermelho, sabia? Afinal, os enfermeiros têm contato direto com os pacientes e, muitas vezes, desenvolvem protocolos para o cuidado. Portanto, são essenciais para cuidar de pacientes que já foram diagnosticados com alguma IST e seguem em tratamento, por exemplo. Também são responsáveis por tomar medidas de proteção para proteger a todos, como ao adotar ações de proteção e segurança. Além disso, podem ajudar na conscientização sobre as doenças e suas características.

 

Odontologia

Pode até não parecer, mas o profissional de Odontologia também tem tudo a ver com o Dezembro Vermelho. Afinal, o consultório odontológico encara diversos riscos de contaminação, já que lida com fluidos de pacientes. Então, uma das principais formas de apoio desse profissional é, primeiramente, adotar os protocolos de biossegurança, de modo a reduzir ou eliminar os riscos de contaminação e também se atentar a alguns sintomas que podem indicar uma IST.Uma lesão oral, identificada durante uma avaliação odontológica, pode indicar alguma infecção, como o HPV, exemplo. 

 

Psicologia

A Psicologia também é essencial para o combate às ISTs. Primeiramente, o psicólogo pode dar todo o apoio necessário a quem foi diagnosticado com alguma doença como HIV/AIDS, por exemplo. Também pode se envolver com programas de conscientização, mostrando como um diagnóstico pode transformar o cotidiano e a importância de se prevenir corretamente.

 

Serviço Social

O assistente social é outro profissional com um papel bem importante, sabia? Primeiramente, há grupos vulneráveis com maior risco de contrair ISTs. Então, sua atuação na prevenção é bem importante. Além disso, os profissionais de Serviço Social podem desenvolver programas multidisciplinares de conscientização e, até mesmo, ir às escolas falar do tema.

 

Dezembro Vermelho: seja um dos profissionais que fazem a diferença

Então, o apoio ao Dezembro Vermelho acontece para a prevenção, conscientização e apoio aos pacientes e seus familiares. O Dezembro Vermelho é uma iniciativa essencial para combater as ISTs e conscientizar a população. Com o apoio de profissionais de diversas áreas, o programa tem cada vez mais chances de dar certo — e você pode fazer parte disso!

 

  MAIS NOTÍCIAS
20/12/2021 :
JANEIRO BRANCO
10/12/2021 :
1º DE JANEIRO DE 2022 - ANO NOVO
01/12/2021 :
RECESSO PARLAMENTAR 2021/2022
01/12/2021 :
2022- ANO NOVO
05/11/2021 :
20 DE NOVEMBRO - DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA
Outras Notícias 
Clique Aqui
Paola
Muniz Dias
Mais sobre este vereador    
Clique Aqui
Jorge
Cesário
Mais sobre este vereador    
Clique Aqui
Julio
Dedão
Mais sobre este vereador    
Clique Aqui
Guilherme
Correa
Mais sobre este vereador    
Clique Aqui
Carneirinho
Mais sobre este vereador    
Clique Aqui
Nino Lopes
Mais sobre este vereador    
Clique Aqui
Lopes
Mais sobre este vereador    
Clique Aqui
Hélio do
Lago Jr
Mais sobre este vereador    
Clique Aqui
Professora
Sheila
Mais sobre este vereador    
Clique Aqui
Ricardo
Panizolo
Mais sobre este vereador    
Clique Aqui
Ricardo
Guina
Mais sobre este vereador    

 
  Endereço:
Rua Afonso Pena, 556 - Centro
CEP: 37590-000 - Jacutinga-MG
  Telefone:
(35) 3443-6602 / 3443-6331 / 3443-2637
  Câmara Municipal de Jacutinga-MG - Home  
 
Site Desenvolvido por
UWEBS